Salvador sedia 6ª edição do Festival Internacional de Capoeiragem | Caderno 2 Produções

Caderno 2 Produções -



Publicado em 11 de janeiro de 2017

Salvador sedia 6ª edição do Festival Internacional de Capoeiragem

Evento acontecerá de 18 a 21 de janeiro, com atividades gratuitas

 

O 6º Festival Internacional de Capoeiragem, promovido pelo Instituto CTE Capoeiragem em parceria com a Caderno 2 Produções, acontecerá no Forte da Capoeira – Santo Antônio Além do Carmo, de 18 a 21 de janeiro. Capoeiristas de todos os continentes já marcaram presença. A entrada é gratuita.

“É uma grande honra receber na Cidade da Bahia, minha terra, amigos capoeiristas de vários lugares do mundo. Acreditamos que esta 6ª edição do Festival será palco de um dos melhores eventos de Capoeira que a capital baiana já sediou. Ele reunirá vários mestres renomados, capoeiristas de mais de 20 países, crianças de projetos sociais e estudantes. Será mais uma oportunidade de fazer relacionamentos e aprender um pouco mais sobre esta arte/luta tão antiga e moderna”, revela Ricardo Carvalho, o Mestre Balão, idealizador e anfitrião do Festival.

Educadores, estudantes, pesquisadores e adeptos da arte/luta Capoeira, vivenciarão e trocarão experiências por meio de vivências, cursos, oficinas, turismo e, claro, muita festa. Na programação, atividades gratuitas como as oficinas de percussão, bate-papo e o Espaço Criança (03 a 11 anos).

O projeto contará com a participação de grandes e antigos mestres baianos, como mestres Pelé da Bomba, Gajé e Jairo que, por meio da vivência “Os Mestres da Bahia e suas cantigas” contarão um pouco sobre algumas composições que se tornaram famosas nos quatro cantos do mundo.

“A Capoeira e o Samba do Recôncavo“ é outra atividade prevista na programação. Dela participam mestres Felipe e Nelito, ambos de Santo Amaro da Purificação. Mestres Nô, Nenel e Balão, da Bahia, e mestre Paulinho Sabiá, do Rio de Janeiro, ministrarão oficinas.

O Festival também oferece, no último dia, o Tour Capoeirístico que é fruto de uma pesquisa realizada pelo mestre Balão e pelo pesquisador e historiador, referência da capoeira, Frede Abreu, já falecido. Nesta atividade, os visitantes farão uma visita guiada no Centro Histórico de Salvador, cenário de fatos relevantes da história da Capoeira e do Brasil nos séculos XIX, XX e XI.

O evento finaliza com a formatura, a troca de graduação e o batizado dos alunos do Centro de Treinamento e Estudos da Capoeiragem – CTE Capoeiragem. Uma grande festa de encerramento, aberta ao público, também vai movimentar o Forte da Capoeira. O festival contribui para a formação e intercâmbio de experiências de capoeiristas do mundo inteiro, além de acontecer no lugar onde se originou a arte.

As inscrições para as oficinas de Capoeira, vivências e tour capoeirístico podem ser realizadas pelo site www.capoeiragem.org.br/festival2017. Parte do recurso arrecadado com as inscrições será revertido para as ações sociais do Instituto CTE Capoeiragem.

A Capoeira

A Capoeira, originária das populações afro-brasileiras, é uma arte/luta que desenvolve o aspecto psicomotor, educacional e social em todos os níveis sociais e faixas etárias. Ela é o sexto esporte mais praticado no Brasil e foi reconhecida, em 2008, pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), como patrimônio imaterial da cultura brasileira. Em 2014 foi a vez da UNESCO reconhecer a Capoeira como patrimônio imaterial da humanidade.

Existem muitas academias de capoeira no exterior e uma popularização da sua música e história. Nos últimos anos, filmes, livros e documentários têm sido apresentados e divulgados com mais intensidade internacionalmente.

A Capoeira vem crescendo como elemento para o fortalecimento da cidadania dos povos do mundo inteiro com projetos que envolvem crianças e adolescentes em situação de risco. Desta forma, a arte/luta tem contribuído muito e pretende continuar ajudando na humanização dos espaços sociais em que ela se desenvolve.

PROGRAMAÇÃO

Dia 18/01 (quarta)
Abertura Oficial do 6º Festival Internacional de Capoeiragem
Horário: 19h
Local: Forte da Capoeira

19/01 (quinta)
Oficina 1 – 16h às 17h30
Oficina 2 – 18h às 19h30
Mestres oficineiros: Nenel e Paulinho Sabiá
Vivência “Os Mestres da Bahia e suas cantigas” – 20h às 21h30
Mestres: Pelé da Bomba, Gajé (Mercado Modelo) e Jairo (Terreiro de Jesus)

Atividades gratuitas
Oficina de Percussão – 15h às 16h
Aulas para crianças “Espaço Criança” – 16h às 17h e 17h às 18h
Bate-papo “Lesões na Capoeira” – 17h30 às 18h
Contramestre: Sam
Local: Forte da Capoeira

20/01 (sexta)
Oficina 1 – 16h às 17h30
Oficina 2 – 18h às 19h30
Mestres oficineiros: Nô e Balão
Vivência “A Capoeira e o Samba do Recôncavo” – 20h às 21h30
Mestres: Felipe e Nelito de Santo Amaro

Atividades gratuitas
Oficina de Percussão – 15h às 16h
Aulas para crianças “Espaço Criança” – 16h às 17h e 17h às 18h
Bate-papo “Benefícios físicos na Capoeira” – 17h30 às 18h Contramestre: Sam
Local: Forte da Capoeira

21/01 (sábado)
Tour Capoeirístico
Horário: 9h às 12h
Local: Centro Histórico de Salvador
*Ponto de encontro no Elevador Lacerda, saída às 9h.

Batizado/Troca de graduação/Formatura
Horário: 15h
Local: Forte da Capoeira

Festa de Encerramento
Horário: 18h30
Local: Forte da Capoeira

As atividades como aulas de percussão e aulas para crianças no “Espaço Criança” serão de acesso gratuito para maiores de idade ou menores devidamente acompanhados pelos responsáveis legais.

Print Friendly